LUTO NA POLÍTICA

Dito Pinto não resiste e morre vítima de Covid

Tanto o  Governador de Mato Grosso Mauro Mendes quanto o prefeito de Cuiabá Emanuel Pinheiro emitiram nota lamentando a morte do  ex-vereador por Várzea Grande e ex-deputado estadual Benedito da Silva Pinto, conhecido como Dito Pinto, aos 66 anos, neste sábado (20), vítima de complicações causadas pela Covid-19.

Mauro  decretou luto oficial de 3 dias. "Ele deixou sua história na política de Mato Grosso e só podemos deixar nossos sentimentos aos familiares e amigos, para que possam, sob as benções de Deus, superar esse momento difícil", afirmaram Mauro e Virginia Mendes.

Dito Pinto estava internado no Hospital Estadual Santa Casa desde o final de janeiro.

Dito Pinto foi deputado estadual por três mandatos e vereador de Várzea Grande, também por três mandatos, além de ter ocupado outros cargos públicos na Prefeitura de Várzea Grande e no Governo do Estado.

O prefeito de Cuiabá, Emanuel Pìnheiro, também lamentou a morte. 

“Dito, além de correligionário, era um grande amigo que a vida pública me deu. Por suas vezes, representamos juntos o povo mato-grossense na Assembleia Legislativa. Era um homem temente a Deus, inteligente, estudioso e muito disciplinado. Que Deus o receba em sua morado e conforte a família neste momento de tristeza e dor”, diz o prefeito.