POLICIA FEDERAL

Lancha e carros de luxos são apreendidos em Operação Cupicha

Agentes federais apreenderam hoje cedo lago do Manso, uma lancha e 2 carros de luxos na “Operação Cupincha” [segunda fase da Curare], em Cuiabá e em Curitiba.

De acordo com a PF, a lancha era utilizada pelo ex-secretário de Saúde de Cuiabá, Célio Rodrigues, exonerado pelo prefeito afastado Emanuel Pinheiro(MDB).

Já os veículos foram apreendidos em Curitiba em poder do seu sócio, o empresário Paulo Roberto de Souza Jamur. Ambos são alvos da operação e foram presos esta manhã em Cuiabá e em Curitiba, respectivamente. Um terceiro mandado de prisão ainda não foi cumprido.

A “Operação Cupincha” é a segunda fase da “Operação Curare”, deflagrada em julho deste ano para investigar corrupção e lavagem de dinheiro, envolvendo o desvio de recursos públicos destinados à saúde. Na primeira fase da operação, Célio foi exonerado do cargo de secretário da Saúde.

Ao todo, são cumpridos 13 mandados de busca e apreensão em Cuiabá e Curitiba, além de três prisões preventivas e de medidas de sequestro de bens, direitos e valores. Foram cumpridos mandados na sede da cervejaria artesanal Cuyabana, em Várzea Grande e na sede da empresa Hipermed Serviços Médicos Hospitalares, em Cuiabá.

Os mandados foram expedidos pelo juiz Jeferson Schneider, da 5ª Vara Federal de Mato Grosso, e estão sob sigilo. Como se apurou na primeira fase da “Operação Curare”, um grupo empresarial, que fornece serviços à Secretaria Municipal de Saúde de Cuiabá, recebeu entre os anos de 2019 e 2021, mais de R$ 100 milhões
 

 

FOTO REPRODUÇÃO